Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Publicidade

Construtora do Mondego entra no Grupo NEF

O grupo empresarial moçambicano C. Mondego, SA, acaba de adquirir 67% das acções do grupo nacional NEF-Investimentos e Gestão de Participações Sociais, SA, do qual fazem parte a construtora de obras públicas CETA e a produtora de betão e inertes RIBEMOZ. A gestão de topo dos dois grupos passa a ser liderada por Manuel Pereira e Nelson Muianga.

Sobre esta junção de forças empresariais, Manuel Pereira afirma que “Moçambique precisa de ter um grupo nacional forte e capacitado na indústria de construção civil e obras públicas que responda às necessidades presentes e futuras do País. Serão precisas entidades nacionais fortes e habilitadas para participar nos grandes desafios do desenvolvimento do País”. Ainda sobre a entrada no Grupo NEF, Pereira refere que a mesma é consequência da “estratégia do Grupo C. Mondego em se expandir, diversificar o portfólio de negócio, internacionalizar-se e posicionar-se ao lado dos mais altos desígnios nacionais”.

A respeito da aquisição, Pereira afirma que esta vai “potenciar as operações de dois grandes grupos, assim como vai conferir maior robustez às empresas, possibilitando assegurar a continuidade das suas operações e a manutenção da valiosa experiência e força de trabalho existente e com larga experiência de mais de 40 anos”.

Por sua vez, Nelson Muianga diz que “o futuro constrói-se hoje. Esta é a hora de todos, e cada um de nós, saber estar à altura dos seus desafios. Os empresários devem se preparar para poderem ser capazes de responder às oportunidades e às dificuldades que surgem. Não podemos estar à espera que o futuro seja feito pelos outros. O mercado traz as oportunidades e as empresas nacionais devem se agregar, coexistir, ganhar músculo e força para estar à altura”.

Os dois gestores de topo sustentam que “com a crescente necessidade de desenvolvimento das infraestruturas económicas e sociais, a nível nacional e internacional, aliada aos grandes projectos de Oil & Gas, torna-se essencial a existência de um veículo empresarial nacional no sector de construção civil e obras públicas para participar nestes projectos”.

O Grupo C. Mondego, SA, fundado em 1998, é uma empresa de construção civil que opera em todo o território nacional e internacional, dedicando-se à execução de trabalhos de obras públicas, construção civil e projectos imobiliários. O Grupo NEF, criado em 2016 é, por sua vez, uma «holding», gestora de participações sociais do cluster de construção que integra a CETA e a Ribemoz.

A CETA foi criada em 1980 com a missão de construir o novo Moçambique independente, tornando-se na maior empresa de engenharia e construção no período pós independência. Em Maio de 2014, tornou-se uma das primeiras empresas nacionais da área de construção a ser certificada em Qualidade, por entidades internacionais, com o selo ISO 9001:2008, tendo nos últimos anos investindo nos seus processos produtivos e organizativos, através da sistematização de processos de trabalho, com a introdução de sistema SAP e com a sua descentralização operacional.

Segundo afiançaram ainda os gestores do Grupo, esta agregação de competências oferecerá ao mercado capacidade de resposta aos desafios de insfraestruturação do País.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!