Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Confronto religioso mata 52 pessoas na Nigéria

Pelo menos 52 pessoas morreram em confrontos religiosos desencadeados por três atentados suicidas contra igrejas do norte da Nigéria, onde, Segunda-feira(18), cadáveres acumulavam-se nos necrotérios e cemitérios da cidade de Kaduna.

Os distúrbios começaram, Domingo(17), depois dos atentados suicidas com carros-bombas contra as igrejas, que mataram 19 pessoas e deixaram dezenas de feridos.

Jovens cristãos então bloquearam vias, tirando à força os muçulmanos de carros e motos, e matando-os, segundo testemunhas.

Ninguém assumiu de imediato os ataques contra as igrejas, mas a seita islâmica Boko Haram, que trava uma insurgência contra o governo federal no nordeste nigeriano, reivindicou a autoria de ataques contra igrejas em dois domingos anteriores.

Um repórter da Reuters visitou dois hospitais em Kaduna. Num deles, os funcionários disseram que havia 40 corpos no necrotério e 72 pessoas a serem atendidas com queimaduras e outros ferimentos.

No outro hospital, foram confirmados 12 mortos e 2 feridos. Também, Segunda-feira, os moradores da localidade de Damaturu, capital do Estado de Yobe (nordeste), relataram tiros e explosões. A Boko Haram já cometeu vários atentados no local.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!