Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cólera : desinformação origina um morto e três feridos

Um morto e três feridos é o balanço preliminar de um confronto entre a polícia e uma multidão composta por 300 homens e mulheres que assaltaram, sexta-feira última, o centro de saúde de Macoroja, no distrito de Moma, província de Nampula, no norte de Moçambique.

Segundo a fonte da polícia citada pela RM, a vítima mortal é tida como tendo sido cabecilha do grupo. O indivíduo morreu a caminho do hospital depois de ter sido atingido na barriga por uma bala disparada pela polícia, quando tentava arrancar a arma a um dos agentes da Lei e Ordem, e os feridos encontram-se em tratamento num hospital local. Os assaltantes, munidos de paus catanas entre outros instrumentos contundentes, assaltaram o centro de saúde de Mucoroja, onde roubaram camas, colchões, lençóis, rádio transmissor, e destruíram o painel solar que gerava energia para iluminar esta unidade sanitária.

Os vândalos assaltaram e destruíram parcialmente a escola primária local numa acção que se alastrou a sede do partido Frelimo, onde foi destruído o mastro e a bandeira. Em conexão com estes actos foram detidos dez indivíduos indiciados de serem os mentores desta desinformação que em nada contribui para o sucesso das iniciativas de combate a cólera em curso em todo o território nacional.

Refira-se que em Fevereiro e Março de 2009, as populações perseguiram voluntários da Cruz Vermelha, acusandoos de estarem deliberadamente a propagar a cólera num acto que resultou na morte de um voluntário da Cruz Vermelha, um líder local e um comerciante acusados de espalhar cólera. No combate a esta onda de desinformação, a polícia prendeu 29 pessoas que permaneceram numa pequena cela da sede de distrito, em Liupo, tendo morrido asfixiados 13 dos alegados agitadores.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!