Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Colecta de imposto próxima da meta

A Autoridade Tributária de Moçambique (AT) afirma que a cobrança de impostos internos de Janeiro a Setembro deste ano resultou na angariação de 22,5 milhões de meticais (cerca de 800 mil dólares americanos), valor que constitui 99 por cento da meta prevista. A maior parte destas receitas, cerca de 20 milhões de meticais, foram colectadas no Sul do país, particularmente na província de Maputo, onde se localiza o maior parque industrial do país. Depois segue o Centro e o Norte do país, com contribuições de 1.8 milhões e 764 mil meticais, respectivamente, para os cofres do Estado.

Para a AT, esses resultados positivos, reportados domingo pelo matutino “Noticias”, evidenciam o esforço empreendido pelo Governo há já algum tempo visando a capacitação e modernização da Administração Fiscal de modo a melhorar a sua actividade.

Por outro lado, esta instituição afirma que a realização da receita aduaneira para o período de Janeiro a Setembro ficouse nos 93 por cento do planificado, tendo sido colectado 11,2 milhões de meticais, dos 11,9 milhões previstos. Contudo, o desempenho da área das Alfândegas (no passado mês de Setembro) superou as expectativas da AT quanto a sua contribuição nas receitas globais cobradas, ao atingir 1,481 milhão de meticais contra 1,3 milhão que era a previsão.

Este bom desempenho das Alfândegas deve-se ao crescimento das relações comerciais entre Moçambique e os países vizinhos, particularmente a Africa do Sul e a Swazilândia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!