Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cinzas de vulcão na Islândia deixam Europa sob alerta

Cinzas de vulcão na Islândia deixam Europa sob alerta

A Grã-Bretanha informou que alguns voos podem ser prejudicados em várias partes do país esta terça-feira devido a uma nuvem de cinzas de um vulcão islandês, mas não esperava uma repetição do caos aéreo provocada no ano passado. O instituto de meteorologia britânico prevê que as nuvens de cinza vulcânica vão cobrir Irlanda, Irlanda do Norte, Escócia e partes do norte da Inglaterra a partir das 6h locais.

Preocupações com os efeitos das nuvens anteciparam a viagem de volta do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, da Irlanda. Agora, ele deve chegar à Inglaterra na segunda-feira à noite para uma visita de Estado. A Autoridade de Aviação Irlandesa disse que voos procedentes e com destino à Irlanda podem ter problemas no fim da semana, mas não nas próximas 48 horas.

O principal aeroporto islandês reabriu com atraso na segunda-feira, enquanto outras partes da Europa seguiam em estado de atenção. A empresa britânica de controle do tráfego aéreo NATS disse que a erupção poderá afetar a Escócia a partir das 17h locais. A companhia área holandesa KLM, parte da Air France-KLM, disse na segunda-feira que cancelou 16 voos procedentes ou destinados a quatro cidades britânicas e os reprogramou para terça-feira. Voos para Aberdeen, Glasgow, Edinburgh e Newcastle devem ser cancelados na terça-feira de manhã, acrescentou.

No ano passado, as cinzas de outro vulcão islandês causaram o cancelamento de 100 mil voos, deixando no solo 10 milhões de passageiros e gerando perdas estimadas em 1,7 bilhão de dólares para o setor de aviação. Ao ser questionado se a nuvem de cinzas poderia prejudicar voos desta vez, um porta-voz para a Autoridade Britânica de Aviação Civil disse: “Isto é, aparentemente, certeza no atual momento.” A organização que controla o tráfego aéreo europeu disse que se as emissões vulcânicas continuarem no mesmo ritmo, a nuvem poderia chegar ao oeste da França e ao norte da Espanha na quinta-feira.

As autoridades apoiaram regras mais relaxadas para voar através das cinzas, depois de críticas por conta da postura classificada como rigorosa demais. “Acredito que os reguladores estão mais sensíveis neste ano do que no ano passado”, disse Michael O’Leary, principal executivo da Ryanair, em teleconferência. “Estamos cautelosamente otimistas pensando que isso não vai estragar tudo novamente neste ano.” Ainda assim, as ações das companhias aéreas caíram entre 3 a 5 por cento.

O Grimsvotn entrou em erupção no sábado e colunas de fumaça atingiram 20 quilômetros de altura. É a erupção mais poderosa do vulcão desde 1873, e mais forte que a do vulcão que causou problemas no ano passado. Mas os cientistas dizem que o tipo de cinza expelida por esse vulcão é mais difícil de dispersar e os ventos, até agora, têm sido mais favoráveis.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!