Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cinco capacetes azuis mortos em ataques terroristas no Mali

Cinco capacetes azuis do contingente guineense foram mortos esta sexta-feira em Kidal (extremo norte do Mali) durante um ataque contra um campo da Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas para a Estabilização do Mali (MINUSMA) em que 30 outros soldados foram mortos.

Este ataque operado por tiros de foguetes e um veículo armadilhado foi atribuído aos terroristas de AQMI ou de Ansardine que multiplicam nos últimos tempos ataques mortíferos contra os militares malianos e a MINUSMA.

Numa declaração, o porta-voz do Secretário-Geral das Nações Unidas condena o ataque e sublinha que os ataques visando os capacetes azuis das Nações Unidas podem constituir crimes de guerra em virtude do Direito Internacional e apela para que os assaltantes sejam entregues à Justiça.

Ele reitera que os ataques perpetrados contra a MINUSMA não vão enfraquecer a determinação das Nações Unidas de apoiar o Governo maliano, as partes signatárias do acordo de paz e o povo maliano nos seus esforços para alcançar uma paz e uma estabilidade duradouras.

Esta mesma sexta-feira, três outros soldados morreram e dois outros ficaram feridos numa emboscada de terroristas contra soldados malianos em patrulha em Tombouctou (norte do Mali).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!