Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cidadãos acusados de raptar criança vizinha em Manica

A Polícia da República de Moçambique (PRM) em Manica recolheu dois indivíduos aos calabouços, alegadamente por terem orquestrado o rapto de uma criança vizinha, de sete anos de idade, e por tentativa de vendê-lo de, na cidade de Chimoio, a um comprador não identificado.

Sobre os acusados, de 22 anos de idade e detidos na 2a esquadra da corporação, pesa ainda o crime de cárcere privado e tráfico de seres humanos.

O caso foi denunciado pelos vizinhos da referida residência, quando se aperceberam de uma movimentação desusada numa casa de onde o miúdo era mantido como refém e só saiu após a intervenção dos agentes da Lei e Ordem.

O rapaz foi sequestrado no bairro 7 de Abril, segundo a Polícia, que acredita tratar de tráfico. Os dois jovens são vizinhos da vítima e um deles disse que o miúdo foi encontrado com vida porque o comprador deu ordem claras de queria recebê-lo vivo.

Para lograrem os seus intentos, os dois indiciados, aliciaram a criança, segundo Leonardo Colher, do Departamento de Relações Públicas no Comando Provincial da PRM em Manica. Um presumível sequestrador contou que pretendia entregar o miúdo a um cidadão em troca de dinheiro que lhe foi prometido, cuja quantia não revelou.

A corporação, que apela à sociedade para estar atenta a este tipo de situações, disse que está a investigar o caso com vista a obter mais dados para o devido esclarecimento, sobretudo para chegar ao encalço do suposto mandante.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!