Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cidadão somali detido em Nampula por alegado tráfico de pessoas

Um cidadão de nacionalidade somali, de 22 anos de idade, identificado pelo nome Assane Macua, está a contas com as autoridades policiais, desde a semana finda, acusado de traficar seus conterrâneos e moçambicanos para a República da África de Sul, para fins ainda não apurados.

De acordo com Zacarias Nacute, porta-voz da Polícia no maior círculo eleitoral do país, o suspeito aliciava pessoas em Nampula, Cabo Delgado e alguns somalis residentes nas duas províncias, para a cidade de Maputo, de onde eram transportadas a para África do Sul. Contudo, o visado, encarcerado na 1ª esquadra da PRM em Nampula, refutou as acusações que pesam sobre si e alegou que ele é comerciante com várias lojas nas duas províncias onde a Polícia o acusa de ter recrutado pessoas para o tráfico.

Segundo ele, a sua prisão resultou do facto de estar a ajudar os seus concidadãos a entrarem em Moçambique à procura de melhores oportunidades de vida, uma vez que a Somália vive uma guerra sem um fim à vista.

Já no país, os somalis seguiam viagem para a África do Sul, onde supostamente iam à procura de emprego, disse Assane Macua, acrescentando que não imaginava que tal bondade podia ser considerada tráfico de pessoas.

Assane Macua disse ainda que no seu entender quem o denunciou foram os seus conterrâneos e não sabe por que motivo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!