Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

CFM com desempenho positivo entre Janeiro e Novembro

A empresa Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) teve um desempenho positivo nos primeiros dez meses de 2010, ao atingir um crescimento de 12,4% na área portuária e 14,4% no sector ferroviário e 36% no transporte de passageiros, comparativamente a igual período de 2009, não obstante a crise financeira global que ainda se abate sobre o mundo.

 

 

Efectivamente, a empresa CFM manuseou, entre Janeiro e Novembro deste ano, 12 721,3 mil toneladas métricas contra 11 317,6 mil toneladas métricas em 2009, transportou 4839,1 mil ton. líquidas (4229,9 mil ton.) e movimentou 3 202 494 passageiros (2 343 897), segundo dados oficiais disponíveis.

Mesmo assim, segundo o PCA da empresa CFM, Rosário Mualeia, a companhia que dirige ressentiu-se dos efeitos nefastos da grave crise financeira que se abate(u) sobre a economia global e todos os intervenientes da complexa cadeia logística do sector ferroportuário (…) com maior incidência sobre o sector ferroviário do Sul, por sinal o único sob exploração directa da empresa.

Falando com os membros do Conselho de Administração da CFM e dirigentes da media baseados em Maputo, durante um brinde por ocasião do fim do ano, Mualeia afirmou que a equipa que dirige não se limita a celebrar a forma valente como enfrentou a crise, mas encarou esse cenário como fonte de inspiração para desenhar planos mais ousados, daí que 2011 é encarado como de “grandes desafios que devem ser ultrapassados por todos”.

A título de exemplo, Mualeia revelou que, entre outros esforços em curso, estão em marcha trabalhos de aprofundamento do canal de acesso ao porto e bacia de manobras da capital do país, por forma a que, até Janeiro de 2011, este esteja apto a receber navios de grande calado, melhorando, assim, de forma substancial a competitividade daquele complexo ferro-portuário estratégico da África Austral.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!