Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Cerca de 30 pessoas morrem por acidentes de viação nas estradas moçambicanas

Pelo menos 27 pessoas morreram e outras 44 ficaram feridas, das quais 17 com gravidade, devido a 26 acidentes de viação ocorridos entre 18 e 27 de Março em curso, em diferentes estradas do território moçambicano.

Todavia, o número de sinistros rodoviários e óbitos reduziu comparativamente a igual período do ano passado, período em que houve 41 mortos em consequência de 32 acidentes, disse Inácio Dina, porta-voz do Comando-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM).

Dos 26 sinistros registados na semana finda, 16 resultaram do excesso de velocidade, e os restantes tiveram como causa o cruzamento irregular, a má travessia do peão e o choque entre carros.

Ainda da totalidade dos mesmos acidentes, pelo menos 12 foram do tipo atropelamento carro/peão, segundo Inácio Dina, que falava na terça-feira (28) no habitual briefing à imprensa.

Na tentativa de conter esta situação, a Polícia de Trânsito (PT) fiscalizou 41.771 viaturas, impôs 4.167 avisos de multas, confiscou 1.045 cartas por condução sob o efeito de álcool e dezenas de livretes devido a várias irregularidades nas respectivas viaturas.

Na mesma operação, 14 indivíduos foram presos por alegada condução ilegal e outros dois por suborno a agentes da PT para se isentarem das multas.

Os cidadãos em causa foram detidos nas cidade de Maputo e Tete. Os valores envolvidos variam de 800 a mil meticais, disse o agente da Lei e Ordem.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!