Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Casa Jovem, o primeiro passo está dado

Casa Jovem

Pouco mais de uma centena de pessoas fez-se presente no terreno onde será erguido um dos mais ambiciosos projectos habitacionais do país (Casa Jovem), no bairro da Costa do Sol, junto ao litoral de Maputo, para testemunhar a cerimónia tradicional realizada, na passada quinta-feira(16), no âmbito do início dos aterros. Participaram do acto diversas personalidades, funcionários da Imobiliária X, mentora do projecto, e a comunidade local.

Numa cerimónia singular, um ambiente de muita festa e animação, os líderes comunitários, evocando os espíritos dos antepassados, abençoaram o arranque das obras, fazendo votos de que não surjam sobressaltos ao longo da construção da cidadela cujo público-alvo é a juventude profissional urbana moçambicana. Além disso, as autoridades locais mostraram comprometimento com o empreendimento, uma vez que poderá galvanizar e gerar rendimento para as famílias que vivem ao redor.

As obras já deviam ter iniciado no primeiro trimestre deste ano e não aconteceu devido ao excesso de burocracia que caracteriza as instituições do país. Porém, com o início dos aterros para o nivelamento do terreno e fundações, dá-se “o primeiro passo do projecto físico”, afirmou Erik Charas e acrescentou: “fico triste por estarmos atrasados, mas estou contente por estarmos a começar. A partir de hoje, o caminho é para frente, passo a passo, ou seja, será um passo de cada vez”.

Passaram sensivelmente oito meses para se obter autorizações municipais e aproximadamente seis meses para a licença de impacto ambiental. “Não podemos pensar em desenvolver o país se as instituições não respeitam os prazos previstos na lei porque isso afecta os nossos compromissos com as pessoas”, comentou Charas.

O director do projecto, Caetano do Carmo, afirmou que a primeira fase das obras será constituída por três lotes, cerca de 416 apartamentos. Cada lote será composto por seis edifícios, aproximadamente 130 apartamentos e espera-se que a primeira parte seja concluída no primeiro semestre do próximo ano (2012).

O empreendimento que será erguido num espaço de 30 hectares representa um investimento de 100 milhões de dólares norte-americanos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!