Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Candidato derrotado tenta anular eleições em El Salvador

O candidato derrotado nas eleições presidenciais de El Salvador pediu, terça-feira, ao tribunal eleitoral do país centro-americano que anule a acirrada disputa, ameaçando ir à Suprema Corte se for necessário.

Norman Quijano, da direitista Aliança Republicana Nacionalista (Arena), perdeu as eleições para Salvador Sánchez Ceren, da esquerdista Frente Farabundo Martí de Libertação Nacional (FMLN) por menos de 7.000 votos, ou 0,22 ponto percentual.

Na terça-feira, cerca de 2.000 partidários de Quijano agitando bandeiras nas cores da Arena – vermelho, branco e azul – fizeram uma passeata até as barreiras que vedam o acesso ao hotel onde acontece a apuração dos votos.

“Não podemos permitir uma fraude tão escancarada”, disse Prudencia Aparicio, de 25 anos, dona de uma loja de doces. O tribunal está agora comparando as atas das seções eleitorais com os resultados eletrônicos preliminares da noite de domingo, mas sem recontar os votos individualmente.

Na segunda-feira, o tribunal disse que o resultado é “irreversível”, mas Quijano declarou-se o verdadeiro vencedor, e um prolongado impasse prenuncia-se.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!