Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Candidato derrotado “impõe” condições para felicitar Presidente nigeriano

O candidato derrotado do Congresso para a Mudança Progressiva (CPC) às eleições presidenciais nigerianas de 16 de abril último, Muhammadu Buhari estabeleceu as suas condições para reconhecer a vitória de Goodluck Jonathan e endereçar-lhe as suas felicitações.

Segundo o seu porta-voz, Yinka Odumakin, os resultados de 11 Estados da parte sul do país devem ser revistos. Ele exortou igualmente a Comissão Nacional Eleitoral Independente (INEC) a proceder a um nova cálculo dos resultados por meio da aplicação Excel.

Segundo Odumakin, os resultados das eleições presidenciais apenas podem ser julgados credíveis se as questões levantadas forem analisadas. « Buhari só pode felicitar o Presidente Jonathan se os resultados forem julgados credíveis no termo deste processo ».

O CPC indicou que ele contestará os resultados das eleições presidenciais em 11 Estados do Sul, onde o partido afirma que os resultados foram manipulados. O cocandidato de Buhari, Tunde Bakare, afirma que a participação média nacional durante as presidenciais foi de cerca de 52 porcento. « As taxas de participação média nas zonas sul e sudeste (sem os Estados de Ebonyi e de Edo) foram de 78 porcento, ou seja bem superior à média nacional de cerca de 52 porcento », disse Bakare.

O Presidente Jonathan, que se apresentou sob a bandeira do Partido Democrático Popular (PDP), obteve 22 milhões 400 mil dos votos para vencer o seu mais próximo adversário, Buhari, que registou 12 milhões de votos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!