Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Campeão do Mundo vence EUA

Campeão do Mundo vence EUA

Foi um jogo difícil para a Squadra Azurra mas a equipe de Marcello Lippi acabou derrotando os Estados Unidos, por 3 a 1, e assumiu a liderança do Grupo B com três pontos, assim como o Brasil, mas com saldo de golos superior ao do escrete canarinho.

 

Os italianos dominaram o jogo, trocavam a bola mas não chegavam a baliza dos Estados Unidos com perigo. Na sequência de uma falta sofrida por Altidore, Dempsey rematou forte e a bola passou rente a trave de Buffon.

Melhor em campo, a Itália teve sua principal oportunidade de golo aos 20 minutos. Pirlo marcou uma falta e Legrottaglie cabeceou para fora. A seleção dos Estados Unidos jogava em contra-ataque e criava situações de perigo. A meia hora de jogo os norte americanos ficaram reduzidos a dez jogadores, após Clark cometer falta dura em Gattuso.

A Itália continuava a dominar mas não criava perigo e, numa jogada de contra ataque, aos 41 minutos Altidore foi derrubado na área por Chiellini. Na marcação Donovan converteu com categoria e abriu o marcador para os EUA. Ainda antes do intervalo, Bradley rematou forte e obrigou o guarda redes italiano a uma defesa em dois tempos.

Depois do intervalo a Itália regressou mais perigosa contudo a marcação dos norte americanos continuava cerrada. Marcello Lippi mexeu na equipa, entraram Montolivo e de Giuseppe Rossi. E foi Rossi, que nasceu nos Estados Unidos, em jogada individual, que empatou o jogo aos 12 minutos, ele roubou a bola a meio-de-campo e rematou forte de fora da área, para o canto esquerdo da baliza de Howard.

Aproveitando a vantagem numérica, a Itália pressionava os Estados Unidos, mas falhava no último terço do campo. Aos 16, Pirlo cruzou, Chiellini desviou para trás e Iaquinta rematou para fora. O atacante desperdiçou nova oportunidade aos 22 minutos, após remate de Pirlo que Howard defendeu com uma palmada e Iaquinta finalizou por cima da baliza norte-americana.

Até que aos 26 minutos a Itália deu cambalhota ao marcador, De Rossi rematou de fora da área, sem chance de defesa para Howard e colocou a equipe em vantagem.

A seleção dos Estados Unidos, mesmo com um jogador a menos, veio para o ataque nos minutos finais e desperdiçou oportunidade de golo primeiro por Kljestan e depois por Davies.

A Itália, com mais espaço, ampliou a vantagem por Rossi que deu o toque final após boa jogada individual de Pirlo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!