Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Brasil é campeão do mundo de futebol Sub 20 na Colômbia

O Brasil foi coroado campeão do Mundo Sub 20 da Fifa pela quinta vez no sábado, ao derrotar Portugal por 3 x 2 na final do torneio disputado na Colômbia, que trouxe um novo recorde de público ao evento. Oscar marcou os golos que deram a vitória e o título ao Brasil, comandado pelo técnico Ney Franco, aos 5 minutos, aos 33 dos segundo tempo e aos 21 do prolongamento. Portugal marcou por Alex e Nelson de Oliveira aos 9 minutos e aos 14 da etapa complementar, respectivamente.

O jogo foi disputada no estádio El Campin de Bogotá diante de 36.058 adeptos, que deram à Colômbia um novo recorde de público para o torneio com 1,31 milhões de espectadores, superando os 1,29 milhões de aficionados do mundial organizada pelo Egito.

Na final defrontaram-se o Brasil, a seleção mais ofensiva durante a competição com 18 golos, e Portugal, a defesa menos batida. A seleção portuguesa, dirigida pelo técnico Llidio Vale, chegou à final sem sofrer nenhum golo, e o guarda-redes Mika manteve a sua rede intacta durante 575 minutos.

O Brasil abriu o placar por meio de Oscar através de uma cobrança de falta pelo flanco direito. Portugal reagiu e quatro minutos depois empatou com um tento de Alex, que recebeu a bola livre dentro da área depois de um passa de Nelson Oliveira. A seleção brasileira foi ofensiva, chegou repetidamente a baliza de Mika sem marcar, enquanto Portugal foi uma equipe ordenada taticamente que converteu cada ataque numa possibilidade de golo, com boa movimentação de seus jogadores e alterações no andamento do jogo.

No segundo tempo, o Brasil controlou melhor a bola e a partida, mas não conseguiu penetrar o sistema defensivo de Portugal, que fez uma marcação por zona e não deixou espaços. A seleção europeia surpreendeu e num contra-ataque Nelson Oliveira chegou ao fundo, superou a defesa brasileira em velocidade e chutou com perna direita uma bola rasteira junto à trave da baliza de Gabriel.

O Brasil buscou o empate com mais gana que futebol, mas a defesa e o sistema tático de Portugal, que esteve perto de ampliar a vantagem, foram insuperáveis. Mas a equipe brasileira chegou à igualdade por intermédio de Oscar depois de uma jogada individual de Dudu, que livrou-se de um defesa e rematoupara a baliza. Mika defendeu o tiro, mas Oscar ganhou o ressalto e colocou a bola ao fundo da rede.

O Brasil, que mostrou uma melhor condição física aproveitou-se do cansaço dos portugueses por conta da altitude, selou a vitória no prolongamento, de novo graças a Oscar, com uma bola rematada na segunda trave de Mika.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!