Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Bósnia detém 13 ex-militares e policiais sérvios suspeitos de crimes de guerra

A polícia da Bósnia deteve, esta segunda-feira (1), 13 ex-militares e policias bósnios sérvios suspeitos de participarem no assassinato e perseguição de centenas de bósnios croatas e bósnios muçulmanos durante o início da guerra civil no país, entre 1992 e 1995.

O caso foi entregue a promotores bósnios do tribunal de crimes de guerra da ONU, sediado em Haia, que, antes do encerramento dos seus trabalhos de 20 anos, tem direccionado vários casos para os judiciários dos países da ex-Jugoslávia.

Entre os detidos estão vários dos principais oficiais de alto escalão da polícia e membros de um grupo militar da época suspeitos de cometerem crimes de guerra nas cidades de Teslic e Doboj, no norte do país, disse o gabinete da promotoria num comunicado.

Os detidos são acusados de assassinar pelo menos 40 croatas e bósnios muçulmanos, além de “perseguir, forçar à fuga e deter ilegalmente várias centenas de pessoas, assim como a pilhagem e destruição de propriedades de vítimas croatas e muçulmanas bósnias na região”, disse o comunicado.

Como parte da sua estratégia de encerramento dos trabalhos, o Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia, estabelecido em 1993 para julgar crimes de guerra cometidos nas guerras dos Bálcãs nos anos 1990, tem transferido dezenas de casos envolvendo suspeitos de escalões intermediários e mais baixos para cortes bósnias de crimes de guerra.

O tribunal sediado em Haia ainda conduz os julgamentos de dois dos principais réus da guerra bósnia, o líder dos sérvios bósnios, Radovan Karadzic, e o seu comandante militar, o general Ratko Mladic. A corte bósnia tem como objectivo concluir os seus principais julgamentos de crimes de guerra até 2018.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!