Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Benfica mantém liderança, Porto marca passo e Sporting atrasa-se ainda mais

O Benfica, com um jogo em avanco no campeonato recebeu e venceu o Belenenses pela marca mínima, 1-0. O Campeão nacional foi ao estádio do Mar empatar sem golos com o Leixões enquanto o Sporting empatou com o Pacços de Ferreira voltando-se a mostrar destroçada por quatro derrotas consecutivas, duas das quais humilhantes – FC Porto e Benfica.

Logo aos 10 minutos de jogo, Óscar Cardozo, após um brilhante cruzamento de Ramires, marcou o único golo da partida. Mesmo sem duas das suas principais figuras (lançadas somente na 2.ª parte), a equipa de António Conceição deu excelente réplica ao Benfica e dentro de campo não foram perceptíveis as diferenças reveladas na… tabela classificativa.

Cardozo marcou o seu 17.º tento na Liga Sagres e só lhe falta um para… “dobrar” toda a produção atacante de um Belenenses que na Luz ficou com menos um a partir do minuto 78. Nesse instante, o guardião Bruno Vale defendeu com as mãos fora da grande-área uma bola rematada por Cardozo e António Conceição foi obrigado a trocar Celestino pelo guarda-redes suplente, o brasileiro Assis.

Apesar de ter entrado sem aquecer e num ambiente muito frio, Assis não foi sujeito a trabalho de vulto, o que só acentuou a tarde desinspirada do líder do campeonato, que deu realmente a ideia de estar a pensar em demasia no desafio de quinta–feira diante do Hertha de Berlim. Os do Restelo criaram muitas ocasiões de golo durante todo o encontro, mas foram ineficazes na hora da finalização.

Campeão perde pontos

O FC Porto perdeu dois importantes pontos na luta pelo título. Em Matosinhos, 1-1 frente ao Leixões, os dragões mostraram duas caras. Uma equipa pouco prática no primeiro tempo e outra que dominou e esbanjou uma mão cheia de golos nos últimos 45 minutos.

Com um novo treinador, o espanhol Fernando Castro Santos, a equipa anfitriã demonstrou, na primeira parte, um futebol sempre mais agressivo que o FC Porto e dividiu com os dragões os lances perigosos da grande área, sendo que os azuis e brancos nunca conseguiram acertar com a baliza. Por isso, Helton teve sempre mais trabalho que Diego, o guardião dos leixonenses.

Começou bem Fernando Castro Santos no Leixões. Já Jesualdo e o seu FC Porto estão agora a nove pontos do líder Benfica.

Leão continua sem vencer

E vão 19 dias que o Sporting não sabe o que é vencer e esta jornada pode cair para o quinto lugar da classificação.

Os pacenses tentaram jogar com os erros do adversário e acabaram por conseguir um 0-0 que é precioso na época tranquila que está a fazer. Ao contrário do Sporting, o Paços de Ferreira leva cinco jogos sem perder (duas vitórias e três empates) para a Liga, o que significa uma injecção de confiança de uma equipa que quer conseguir a manutenção.

O futebol dos leões foi sempre em esforço, nada saiu de forma natural, mas ainda assim na última jogada do desafio até poderiam ter chegado ao triunfo num lance que caiu do céu e que Ozéia salvou quase em cima da linha de golo. Ficou a sensação que, por outro lado, o Sporting acabou por ter sorte porque em campo não esteve aquele Paços de Ferreira aguerrido que todos reconhecem. Isso talvez tenha evitado que os leões tivessem um regresso a Lisboa bem mais doloroso.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!