Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Austrália prende terroristas e evita ataque suicida

A polícia australiana deteve quatro terroristas que planejavam um ataque suicida contra uma base militar, anunciaram nesta terça-feira às autoridades. “Os suspeitos se preparavam para atacar pessoal militar e prosseguir até morrer”, em uma acção suicida, declarou Tony Negus, chefe da polícia nacional australiana.

“A intenção destes homens era a de penetrar em alojamentos militares e matar o maior número de pessoas possível (…). Se ocorresse, seria o mais grave ataque já realizado em solo australiano”, revelou Negus, destacando que a acção envolveria principalmente armas de fogo. De origem libanesa e somali, os suspeitos foram detidos em uma série de batidas realizadas por mais de 400 policiais no estado de Vitória, no sudeste do país, disse Negus.

O plano para atacar a base militar era investigado por uma equipe de 150 agentes desde Janeiro passado, revelou. Segundo o comissário, “os membros do grupo procuravam uma fatela ou um texto religioso para justificar um ataque terrorista contra a Austrália”.

Negus destacou que os terroristas têm ligações com o grupo islâmico radical somali dos shebab, que realiza uma ofensiva contra o atual governo de transição em Mogadíscio. O comissário revelou que membros do grupo estiveram na Somália para “participar das hostilidades naquele país”.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!