Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Augusto de Sousa exonerado do cargo de PCA da EDM

Augusto de Sousa Fernando, designado Presidente do Conselho de Administração (PCA) da empresa pública Electricidade de Moçambique (EDM), em Março de 2012, foi afastado do cargo e para o seu lugar indicou-se Gildo Abílio Sibunde, que exercia as funções de administrador da Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB).

O facto foi anunciado nesta terça-feira, na capital moçambicana, pelo porta-voz do Governo, Alberto Nkutumula, no término da 23 sessão do Conselho de Ministros, sem, no entanto, avançar as razões da sua exoneração.

Refira-se que a gerência de Augusto de Sousa foi marcada por apagões generalizadas nas províncias de Sofala e Manica, em Fevereiro e Maio deste ano, em resultado da avaria da subestação de Chibata, sito nesta última província, facto que causou prejuízos avultados nos clientes da EDM.

Meses depois, as cidades de Maputo da Matola foram fustigadas, também, por apagões sistemáticos, derivados de “poeiras” e “nevoeiros”, segundo a alegações da EDM, na altura.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!