Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Atum vermelho é vendido por 637 mil dólares em leilão de Ano Novo em Tóquio, 2 mil destes pagavam dívida da EMATUM

Um atum vermelho foi vendido na passada quinta-feira(05) por 74,2 milhões de ienes (cerca de 637 mil dólares norte-americanos). Se a Empresa Moçambicana de Atum(EMATUM) pescasse esta qualidade de peixe somente 2 mil deles dariam para amortizar a dívida de 850 milhões de dólares norte-americanos que o povo moçambicano está a pagar.

O valor pago pelo atum de 212 quilos, pescado em Oma, na Província de Aomori, no norte do Japão, representa cerca de 350 mil ienes (aproximadamente 3 mil dólares norte-americanos), muito longe dos 13,94 dólares por quilo do atum Yellowfin que a EMATUM propunha-se a pescar.

Pelo sexto ano consecutivo, o lance vencedor foi realizado pelo presidente da cadeia de restaurantes Sushi Zanmai, Kiyoshi Kimura.

O recorde pertence ao próprio Kimura, que no ano de 2013 pagou 155,4 milhões de ienes (cerca de 1,33 milhões de dólares) por um atum vermelho.

Como de costume, Kiyoshi Kimura diante dos veículos de imprensa e explicou que o atum adquirido foi “um pouco caro”.

O famoso empresário, de 64 anos, procura com estas compras apostar na atenção mediática com o objectivo de atrair o público aos seus restaurantes.

O leilão de Ano Novo realizado na semana finda pode ser o último organizado nas actuais instalações do mercado de Tsukiji, uma das atracções turísticas mais populares da capital japonesa.

O governo metropolitano de Tóquio decidiu em 2001 transferir Tsukiji, que foi aberto em 1935, no bairro de Chuo, para as margens do Rio Sumida, na ilha artificial de Toyosu, pela necessidade de criar mais uma região mais comercial. A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, assegurou que a mudança de Tsukiji não acontecerá pelo menos até o final de 2017.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!