Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ataque da Abu Sayyaf nas Filipinas deixa 19 mortos e 10 feridos

Pelo menos 19 civis morreram esta segunda-feira e outros dez ficaram feridos num ataque realizado por uma célula do grupo terrorista Abu Sayyaf, vinculado à rede Al Qaeda, no sul das Filipinas, informaram fontes militares.

As vítimas faziam parte de um clã que colabora com as autoridades no processo de paz na região e viajavam numa caravana de veículos que se dirigia para comemorar o final do Ramadão quando atacaram cerca de 50 combatentes da Abu Sayyaf na área da cidade de Talipao, na ilha de Jolo, a cerca de 980 quilómetros a sul de Manila.

O comandante da Segunda Brigada da Marinha, o general Martin Pinto, assinalou que 16 civis morreram durante o ataque, mais dois depois dos ferimentos recebidos, segundo o meio local “Rappler”.

A 19.ª vítima fatal foi confirmada pela Polícia um pouco mais tarde. Entre os mortos e feridos há mulheres e crianças, segundo as autoridades.

Os chefes terroristas Idang Susukan e Sibih Pisih comandaram a emboscada, de acordo com o Comando de Mindanao Ocidental.

A Abu Sayyaf foi estabelecida por um punhado de ex-combatentes do conflito do Afeganistão contra a União Soviética em 1991 e desde então o grupo cometeu os atentados mais sangrentos do país e múltiplos sequestros, além de colaborar com a Jama Islamiya, o braço da Al Qaeda no Sudeste Asiático.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!