Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Aleppo e arredores registam pelo menos 497 mortos desde o fim da trégua

Pelo 497 civis morreram na cidade de Aleppo (norte) e nos arredores desde o dia 19 de setembro, quando foi encerrada a trégua na Síria, segundo a apuração divulgada neste sábado pelo Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Entre as vítimas há 90 menores de idade e 40 mulheres, além de 1,2 mil civis que ficaram feridos no mesmo período. A ONG detalhou que 305 pessoas perderam a vida nos bombardeamentos das aviações russa e síria contra os bairros ao leste de Aleppo, sitiados pelo Exército e controlados pelas facções armadas opositoras.

Outros 17 civis, entre eles quatro crianças, morreram com a queda dos projéteis da artilharia lançados pelas forças governamentais contra os distritos de Al Maadi, Al Sajur, Al Helik e Saif al Dawla, todos eles localizados na metade leste da cidade.

Além disso, 124 civis morreram pelos ataques aéreos dos aviões russos e sírios nas localidades situadas nos arredores da cidade de Aleppo, e outras 50 pessoas morreram pelo impacto dos mísseis disparados por grupos rebeldes contra áreas sob o domínio das autoridades, no oeste.

A trégua pactuada por Estados Unidos e Rússia vigorou na Síria entre os dias 12 e 19 de setembro, e conseguiu reduzir as hostilidades em todo o país, especialmente na cidade de Aleppo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!