Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Agricultura injecta 25% do PIB

Apesar de ainda não satisfazer todas as necessidades alimentares da população moçambicana, a Agricultura contribuiu com 25% no crescimento da economia do país ao longo do Primeiro Trimestre de 2011, indicam dados oficiais do Governo.

No período, o Produto Interno Bruto (PIB) foi de 8,4%, quando comparado ao do mesmo período de 2010. Contudo, o desempenho da actividade económica no período em análise é atribuído, em primeiro lugar, ao sector terciário que cresceu 10,7%, com maior destaque para o ramo dos Transportes e Comunicações e o sector de Restauração com 18,1% e 17,5%, respectivamente.

Segue-se o sector primário que cresceu 8,9%, impulsionado pelos ramos da Agropecuária e Silvicultura e o das Pescas com 9,3% e 6,8%, respectivamente, de acordo igualmente com o INE, indicando, mais adiante, que o sector secundário também teve um desempenho positivo de 1,3%, causado pelo dinamismo do sector da Electricidade e Água.

Por seu turno, os sectores da Indústria Transformadora e da Electricidade e Água injectaram 12% e 5% do PIB, respectivamente, enquanto que os Serviços do Comércio e Reparação, bem como dos Transportes e Comunicações tiveram ambos uma contribuição para o PIB na ordem dos 11%.

Finalmente, os Serviços Financeiros e os de Aluguer Imobiliário e Prestação às Empresas contribuíram com 6%.

PIB de 2010

No terceiro trimestre de 2010, refira-se, o PIB registou um crescimento de 7,4%, contra 6,4% do PIB global de 2009.

Em 2010, cada moçambicano é suposto ter produzido o correspondente a 454 dólares norte-americanos, o correspondente a 1362 meticais ao câmbio de 30 meticais/ USD.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!