Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Acidentes de viação matam 18 pessoas em Mocuba

Um total de 18 pessoas perdeu a vida e outras 29 contraíram ferimentos, entre ligeiros e graves, em consequência de 12 acidentes de viação registados em algumas estradas do distrito de Mocuba, província da Zambézia, durante o terceiro trimestre do ano em curso, contra 17 ocorridos em igual período do ano passado.

As informações foram tornadas públicas na segunda-feira (19), à margem da tomada de posse do novo administrador do distrito de Mocuba, pela governante cessante, Teresa Boaventura. Os casos foram do tipo despiste e capotamento, choque entre veículos e motociclos e atropelamentos carro-peão.

Segundo Boaventura, os sinistros, que resultaram no derrame de sangue de dezenas de pessoas, provocaram igualmente quatro danos materiais avultados e sete ligeiros. Entretanto, 16 feridos graves receberam cuidados intensivos no Hospital Rural, onde já tiveram alta e continuam em tratamento nas suas residências.

No que diz respeito à onda de criminalidade, o número de casos subiu, comparativamente ao ano transacto, em que as cifras apontam 74, contra 41. Neste momento, a ordem e tranquilidade públicas encontram-se condicionadas, uma vez que mais situações tendem a ser reportadas ao Comando Distrital da PRM de Mocuba.

“A criminalidade aumentou. Este é um dos desafios para o empossado, de modo a inverter a situação e garantir a circulação livre de pessoas e bens no nosso distrito”, desafiou Boaventura ao novo administrador de Mocuba, Félix Sinossene.

Importa referir que os bairros CFM, Aeroporto, Marmanelo, Bive e 25 de Setembro são considerados os mais críticos pelo número de casos registados mensalmente. O posto administrativo de Mugeba é igualmente colocado na tabela dos mais problemáticos.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!