Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Acidente de viação mata oito pessoas em Mogovolas e seis em Inhambane

Pelo menos 14 pessoas morreram e outras dezenas contraíram ferimentos graves e ligeiros em resultado de dois acidentes de viação ocorridos entre terça-feira (29) e quarta-feira (30), nos distritos de Mogovolas e Inharrime, nas províncias de Nampula e Inhambane. Nesta última, um minibus perdeu a direcção e embateu violentamente num camião de grande tonelagem, enquanto noutra um carro precipitou-se no rio Meluli

Em Mogovolas, o sinistro que matou oito cidadãos e deixou outras mais de 20 grave e ligeiramente feridos aconteceu por volta das 09h00 de quarta-feira (30), na ponte sobre o rio Meluli. Informações em poder do @Verdade indicam que o incidente envolveu uma viatura que transportava pessoas e bens, a qual partia da cidade de Nampula com destino ao distrito costeiro de Moma.

O veículo em questão, que apresentava problemas mecânicos e circulava numa estrada degradada, encontrava-se numa subida acentuada na ponte sobre o rio Meluli; de repente, o motorista apercebeu-se de que o seu carro estava a movimentar-se para trás e a alta velocidade. Ele não pôde controlar o veículo e este precipitou-se naquela corrente de água doce.

Em contacto telefónico com o @Verdadeo, Albisto Caetano, residente na vila de Nametil disse que acompanhou o sinistro e, das oito vítimas, cinco perderam a vida no local e outras três encontraram a morte a caminho do hospital.

Caetano disse que não sabia o que realmente teria originado a tragédia, mas as deploráveis condições daquela via de acesso e as prováveis deficiências mecânicas da viatura podem ter concorrido para a desgraça. O automobilista tentou evitar o pior, mas tudo foi em vão, uma vez que os travões não permitiram quaisquer manobras.

Os corpos dos finados foram encaminhados para a morgue do Hospital Central de Nampula (HCN), de onde posteriormente serão entregues às respectivas famílias. Das vítimas que contraíram ferimentos, 10 encontram-se internadas no HCN, enquanto as outras, com ferimentos ligeiros, tiveram alta médica na manhã de quinta-feira (01).

Victor Borges, governador da província de Nampula, visitou, na manhã de quinta-feira, as vítimas que se encontram internadas, tendo lamentado a situação e garantido apoio aos familiares. Importa referir que, nos últimos dias, a província de Nampula tem registado, em quase todas as vias de acesso, óbitos e derramamento de sangue em consequência dos acidentes de viação, na sua maioria causados pela inobservância das regras de condução, pelo excesso de velocidade e a condução sob o efeito álcool.

Entre as vítimas do drama que se deu em Inhambane, constam quatro crianças de nove a treze anos de idade, que regressavam da escola. O pai delas e mais um passageiro teriam alugado a viatura para carregar material de construção da vila de Inharrime a Nhacoongo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!