Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

36 mortos em acidente de viação no Quénia

Pelo menos 36 pessoas morreram e 18 outras ficaram feridas num acidente de viação ocorrido na autoestrada que liga Nakuru a Eldoret, no oeste do Quénia, declararam domingo a Policia e a Direção dos Transportes (NTSA, sigla em inglês).

O acidente aconteceu quando um autocarro de passageiros proveniente de Busia, uma cidade situada na fronteira entre o Uganda e o Quénia, rumo a Nairobi, colidiu com um camião de mercadorias, indicou o diretor-geral dos Transportes e Segurança Rodoviária, Meja Mwangi.

“Os inquéritos preliminares revelaram que o autocarro saiu da via antes de embater contra o camião no extremo esquerdo da faixa de ultrapassagem”, indicou um comunicado conjunto da NTSA e da Polícia.

Porém, inquéritos aprofundados sobre as causas do sucedacidentes estão em curso e um relatório pormenorizado será divulgado, segundo a NTSA.

Em resposta a este recente acidente sobre as autoestradas, a NTSA, muito criticada por não ter podido garantir a segurança nas estradas, anunciou uma interdição arbitrária das viagens noturnas.

Dezenas de pessoas perderam a vida durante as festas de Natal e do Ano Novo quando viajavam. Domingo centenas de pessoas invadiram a morgue da Siaya County Hospital, para levantar sete corpos sem vida pertencentes a uma mesma família, falecidos num acidente em Sultan Hamud, na autoestrada ligando Nairobi a Mombasa, segundo uma rádio local Ramogi FM.

As autoridades quenianas perspetivam uma série de novas medidas estritas para reduzir o número de mortos nas estradas, a suspensão de todas as escolas de conduta e a reciclagem dos condutores.

Também constam destas medidas a qualificação mínima para os condutores de veículos de transporte público com três anos de experiência e 28 anos de idade pelo menos para os condutores de camiões e de reboques.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!