Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

24 mortos por acidentes de viação nas estradas moçambicanas

Entre 21 e 27 de Novembro último, 24 pessoas morreram e outras 48 ficaram feridas, das quais metade com gravidade, em diferentes estradas moçambicanas, devido a 34 acidentes de viação que causaram também danos materiais avultados. Da tipicidade de sinistros destaque vai para os atropelamentos carro-peão e choques entre carros.

Na semana em que foram fiscalizadas 45.840 viaturas. 9.170 multas impostas, 331 cartas de condução apreendidas e sete cidadãos detidos por se fazerem ao volante ilegalmente, um dos acidentes fatais, que não passou despercebido, envolveu dois indivíduos que arrancarem um camião-cisterna de um condutor um pereceu e outro ficou gravemente ferido.

Segundo Inácio Dina, porta-voz do Comando-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), no distrito de Morrumbala, província da Zambézia, um cidadão ao volante de uma viatura-cisterna destinada ao transporte de combustível, qua fazia o trajecto Beira/Zambézia, deu boleio a duas pessoas, a pedido destas.

Poucos minutos depois de se continuar a marcha, um dos dois ocupantes que acabavam de fazer parte da viagem retirou um instrumento com o qual ameaçou o motorista, forçaram-no a retirar do carro e apoderaram-se do mesmo.

O grupo continuou a marcha mas não percorram tantos quilómetros, tendo acidentado. Um ocupante morreu no local e outro contraiu ferimentos graves em resultado do embate violento. A Polícia fez-se ao local e depois de tomar algumas diligências conseguiu localizar o dono do veiculo, o que culminou com a descoberta de que um dos assaltantes, que morreu, era um antigo trabalhador da firma que estava prestes a perder a viatura.

Inácio Dina pediu para que se “evite dar boleia a indivíduos estranhos”, sobretudo à noite e em lugares onde em caso de algum perigo não será fácil ter socorro.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!