Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

22 soldados líbios mortos em confrontos com Daech em Benghazi

No total, 22 soldados do Exército líbio foram mortos e 61 outros ficaram feridos nos combates pela libertação do bairro de Garyounes de Benghazi das mãos do Daech (Estado Islâmico) e de grupos armados nele filiados, anunciou quarta-feira o coronel Jamal Al-Zahawi, comandante do batalhão dos Martyrs de Zaouia.

Numa declaração na cadeia oficial Libya, o coronel Al Zahawi saudou o papel de todos os batalhões do Exército que participaram na libertação da zona de Garyounes e da aldeia turística, saudando o plano militar “judicioso” estabelecido pelo comando para esta operação.

Além disso, uma fonte militar da sala de emergência das operações das forças aéreas da operação militar “al-Bouniane al-Marsous” (Arquitetura blindada) contra o Daech em Sirtes (centro) indicou que aviões de caça efectuaram vários ataques aéreos contra zonas controladas pelo Estado Islâmico na mesma cidade, infligindo-lhe pesadas baixas, nomeadamente perdas de vidas humanas e de equipamentos.

Segundo a mesma fonte, três raides visaram o complexo das salas de Ouagadougou (Burkina Faso) e os edifícios no centro da cidade de Sirtes e causaram enormes perdas na organização Daech.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!