Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Veto britânico na União Europeia expõe tensões na Grã-Bretanha

O vice-primeiro-ministro britânico, Nick Clegg, expôs as tensões da coligação em relação à Europa no domingo, quando disse que o resultado da cúpula da União Europeia (UE), que terminou com um veto do primeiro-ministro David Cameron, foi “extremamente decepcionante” e “mau para a Grã-Bretanha”.

Clegg, que lidera o partido Liberal Democrata pró-europeu, negou que a coligação liderada pelos conservadores, que assumiu o poder em maio de 2011 com um programa de cortes orçamentários, poderia desmoronar agora. “Seria ainda mais prejudicial para nós como país, se o governo de coligação ruísse agora. Isso criaria um desastre econômico para o país em um momento de grande incerteza econômica”, disse Clegg, líder do partido Liberal Democrata.

Clegg acusou os membros do partido Conservador que estão pressionando Cameron a seguir, após seu veto à mudança do tratado da UE, com um referendo sobre a saída da Grã-Bretanha do bloco de 27 países. “Uma Grã-Bretanha que deixa a UE será considerada irrelevante por Washington e seria considerada um pigmeu no mundo, quando eu quero que continuemos de pé, e liderando no mundo,” disse Clegg à rede de TV BBC.

Na sexta-feira, a Grã-Bretanha decidiu não fazer parte de um plano para seguir em frente com um novo tratado da UE com um regime de déficit e dívida mais duro, para evitar a repetição da crise da dívida no futuro.

Cameron disse que o acordo proposto pode expor a indústria de serviços financeiros de Londres à uma regulamentação indesejável da União Europeia. “Estou muito decepcionado com o resultado da cúpula da semana passada, exatamente porque acho que agora existe o perigo de que a Grã-Bretanha seja isolada e marginalizada dentro da UE”, disse Clegg.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!