Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Vendedores informais invadem estaleiro dos CFM em Nampula

Um número não especificado de vendedores informais na cidade de Nampula invadiram o estaleiro da empresa Caminhos-de-Ferro de Moçambique (CFM), transformando o espaço num mercado. O comércio é feito ao longo da linha férrea que liga a cidade de Nampula a Nacala-Porto, ignorando-se o perigo daí decorrente.

Diante da necessidade de sobrevivencia e da falta de espaço para o desenvolvimento da actividade comercial, dezenas de vendedores informais invadiram o estaleiro dos CFM. No espaço, vende-se quase tudo, desde tomate e cebola, passando pelos vestuários e calçado, até os acessórios de telemóvel. O mercado funciona diariamente a partir das primeiras 6h00 da manhã, e prolonga-se até às 20h00.

Durante o dia, o comércio não pára, a não ser para deixar o comboio passar. Alguns comerciantes reconhecem a invasão e o perigo que correm por estarem naquele local, mas justificam-se afirmando não terem outra opção, visto que a cidade de Nampula carece de mercados.

Bazílio Graciano, de 23 anos de idade, vendedor informal há oito anos, disse que as autoridades municipais têm conhecimento da situação, uma vez que procedem à cobrança da taxa diária; porém, não criam condições para os comerciantes desenvolverem as suas actividades.

Reagindo ao assunto, Seide Ali, vereador do pelouro de Feiras e Mercados do Conselho Municipal da Cidade de Nampula (CMCN), disse que a situação tem dias contados, pois o município pretende instalar um mercado de raiz nas imediações com vista a acolher os vendedores informais que actualmente exercem as suas actividades ao longo da linha férrea.

Segundo Ali, as obras do futuro mercado serão executadas pela empresa Corredor do Norte (CDN) em coordenação com a Universidade Lúrio (UniLúrio). Refira-se que, até ao final deste ano, o Conselho Municipal vai reabilitar 34 mercados e, para o efeito, será lançado na próxima semana um concurso público.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!