Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Vai ser preciso um Ferroviário épico

O Ferroviário de Maputo tem o maior desafio nesta fase de acesso à Liga dos Campeões Africanos: recuperar de uma desvantagem ‘pesada’ frente ao SuperSport United. Os três golos sofridos frente aos sul-africanos são o mais recente episódio de um percurso que se adivinhava pouco acidentado, nada anormal, tendo em conta o glorioso registo desportivo dos locomotivas. É apenas uma questão de perspectiva.

O Ferroviário e o SuperSport United partem para o embate deste sábado (15 horas) com a certeza de que poderá ser um passo importante para ambos. Para o SuperSport, uma derrota por duas bolas será uma espécie de passo derradeiro para confirmar a passagem à fase de grupos, já de si provável. O Ferroviário vive com a angústia de saber que no final dos 90 minutos cenários antagónicos se irão opor. Um golo nos primeiros 15’ poderá ser um tónico decisivo, o primeiro passo para uma recuperação que começa a adivinhar-se complicada. Mas será um primeiro passo.

Tudo o resto confirmará o estado latente da falta de fôlego das equipas moçambicanas nas competições africanas e deixará uma margem muito ténue para quem se quer salvar da periferia do futebol continental. Como um último passo, portanto. O encontro reveste importância reforçada para os locomotivas, obviamente. A derrota, na primeiramão, foi um duro revés e, agora, a zona de salvação está a quatro golos. Nos 90 e/ou 120 minutos de jogo é imperativo não desperdiçar golos. Porque, a acontecer, o carimbo no passaporte para as competições internas fica confirmado.

Do lado sul-africano ainda se vai digerindo a vitória concludente por três bolas sem resposta. Um lugar na fase de grupos já não é uma miragem e a vantagem na eliminatória permite uma abordagem tranquila na visita ao Vale do Infulene. Assim, o acesso salta para o topo das prioridades. Contudo, é preciso não dormir na sombra da bananeira porque Chiquinho Conde não enjeitaria uma dose extra de confiança para a partida da segunda-mão. Será que vai encontrá-la na Machava?

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!