Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Uruguai vai às urnas com esquerda como favorita

Os locais de votação no Uruguai abriram as portas este domingo às 8H00 para eleições presidenciais e legislativas, que têm como principais candidatos o ex guerrilheiro José ‘Pepe’ Mujica e o ex-presidente liberal Luis Lacalle (1990-1995).

A votação prossegue até as 19H00, mas o horário pode ser prorrogado em caso de filas diante das seções de votação. Caso os 2.563.397 eleitores registrados não concedam mais de 50% dos votos a um candidato, o país terá um segundo turno no dia 29 de novembro.

Além de Mujica, candidato da coalizão de governo de esquerda Frente Ampla, e de Lacalle, do Partido Nacional (centro-direita), estão na disputa Pedro Bordaberry, filho do ex-ditador Juan Bordaberry (1973-1976), pelo Partido Colorado (centro-direita); Pablo Mieres pelo Partido Independente (centroesquerda) e Raúl Rodríguez pela Assembleia Popular (esquerda). Os eleitores também votarão em dois plebiscitos: um para anular a Lei de Caducidade, que evitou processos por violações aos direitos humanos durante a ditadura (1973-1985), e outro sobre o direito de voto dos uruguaios que vivem no exterior.

De acordo com a lei no Uruguai, onde o voto é obrigatório, nos plebiscitos os eleitores só podem votar no ‘Sim’ e todo voto não emitido a favor é considerado contrário. São necessários mais de 50% dos votos para a aprovação das reformas constitucionais.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!