Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Universidade Eduardo Mondlane abre 4765 vagas

Um total de 4765 vagas foram abertas pela Universidade Eduardo Mondlane (UEM), o mais antigo estabelecimento de ensino superior de Moçambique, para a admissão de novos ingressos aos diferentes cursos de licenciatura para o próximo ano académico 2014.

A ocupação das referidas vagas será de acordo com o estipulado na Lei de Ensino Superior, que refere que os candidatos devem ser submetidos aos exames de admissão a serem realizados numa única época, com apenas uma chamada.

Uma nota da Universidade Eduardo Mondlane, citada pelo “Noticias”, indica que os exames de admissão àquela instituição vão ocorrer entre os dias 6 a 11 de Janeiro do próximo ano.

Com efeito, segundo o mesmo documento, os candidatos a admissão devem fazer uma pré-candidatura online seguindo as instruções patentes na página electrónica da Universidade e, posteriormente, fazer a validação das inscrições entre os dias 16 de Novembro e 6 de Dezembro próximos.

As novas admissões vão preencher as vagas existentes nas 17 faculdades e escolas superiores da UEM nos períodos laboral e pós-laboral. Tal como no presente ano académico, o curso de licenciatura em filosofia no período pós-laboral é o que oferece o maior número de vagas com um total de 100 contra 80 disponibilizadas no mesmo curso no período laboral.

Maior número de vagas é igualmente disponibilizado, regra geral, a quase todos os cursos ministrados no período pós-laboral, como é no caso do Direito (70), Gestão (80), Administração Pública e Ciências Políticas, estes dois últimos com 75 lugares cada.

A universidade prevê vai continuar a funcionar, no próximo ano académico, com as escolas superiores tuteladas, nomeada- mente a Escola de Negócios e Empreendedorismo de Chibuto (província meridional de Gaza), a Escola de Desenvolvimento Rural de Vilankulo (província meridional de Inhambane) e a de Ciências Marinhas e Costeiras de Quelimane (província central da Zambézia).

Para estas escolas estão previstas 410 novas vagas, com a Escola de Negócios e Empreendedorismo de Chibuto a liderar a lista com 150 vagas, neste caso 30 para cada um dos seus cinco cursos de licenciatura.

Tal como nos anos anteriores, a Universidade Eduardo Mondlane espera que afluam aos exames de admissão àquela instituição pouco mais de 25 mil candidatos, números que têm sido geralmente registados nas inscrições.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!