Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Triplo suicídio por causa de crise económica choca a Itália

O suicídio de um casal idoso endividado chocou a Itália na sexta-feira, levando a presidente da Câmara a lamentar a situação de “emergência económica” no país. Romeo Dionisi, de 62 anos, e Anna Maria Sopranzi, de 68, enforcaram-se num depósito do qual eram donos, em Civitanova Marche, na costa do Adriático, segundo a polícia. Após souber da morte da sua irmã, o irmão de Anna Maria, Giuseppe Sopranzi, de 72 anos, atirou-se ao mar e afogou-se.

As autoridades posteriormente resgataram seu corpo. A imprensa relatou que o casal estava profundamente endividado e sobrevivia com uma pequena pensão recebida por Sopranzi.

Dionisi, pedreiro autónomo, não tinha direito a pensão e não estava encontrado trabalho. Eles deixaram um bilhete no carro de um amigo, pedindo perdão pelo gesto extremo, segundo a polícia.

O prefeito de Civitanova Marche, Tommaso Claudio Corvatta, decretou luto oficial no sábado, e disse que o casal foi orgulhoso demais para pedir ajuda.

Laura Boldrini, presidente da Câmara dos Deputados, disse que irá no sábado à cidade manifestar condolências aos familiares dos suicidas. “Isso é prova do devastador impacto psicológico que a emergência econômica provoca nas vidas dos homens e mulheres, o qual frequentemente passa despercebido por trás das estatísticas do cotidiano”, disse ela.

A Itália está em recessão desde meados de 2011, e nos últimos cinco anos perdeu 600 mil postos de trabalho.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!