Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Três agentes humanitários morrem na Somália, dizem funcionários

Um homem armado matou três funcionários somalis de organizações humanitárias, incluindo dois que trabalhavam no Programa Alimentar Mundial da ONU (WFP) na Somália, esta sexta-feira, disseram funcionários da área de desenvolvimento.

O ataque ocorreu na cidade de Matabaan, no centro da Somália, em uma região sob o controle do grupo Ahlu Sunna, que apoia o governo somali. “Foi um ataque chocante. Um homem armado abriu fogo e matou um funcionário de uma ONG local e dois membros do Programa Alimentar Mundial durante o dia de distribuição”, disse à Reuters Abdi Ali Moalim, funcionário de uma entidade humanitária em Matabaan.

Um funcionário da WFP na capital somali, Mogadíscio, disse que dois dos seus membros morreram no ataque.

No mês passado, o grupo rebelde islâmico al Shabaab, que controla partes do centro e do sul da Somália, anunciou uma proibição à presença das 16 agências humanitárias em seu território. Militantes invadiram e saquearam escritórios das organizações de ajuda, que lutam para ajudar dezenas de milhares de pessoas que correm risco de morrer de fome com a pior seca a atingir a região em décadas.

O grupo Ahlu Sunna, que controla Matabaaan e a área adjacente, é contra a postura linha-dura do al Shabaab, ligado à Al Qaeda.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!