Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tenista francesa Marion Bartoli conquista o seu 1º título em Wimbledon

Marion Bartoli não estava no topo da lista entre as possíveis vencedoras do Wimbledon há duas semanas, mas neste sábado a tenista francesa derrubou uma Sabine Lisicki em mau dia em parciais de 6-1 e 6-4 , conquistando o seu 1º título em Wimbledon.

A francesa, 15ª cabeça de chave, tirou o máximo proveito do nervosismo da sua adversária alemã, que eliminou a então campeã Serena Williams na quarta jornada. Bartoli, de 28 anos, tornou-se a primeira tenista francesa a vencer um troféu de Grand Slam desde Amélie Mauresmo em 2006, pondo fim à sua seca de grandes títulos na 47ª tentativa.

“Quando era menina, sonhava com este momento”, disse Bartoli, vice-campeã de Wimbledon em 2007, em entrevista na quadra depois de erguer o prémio Venus Rosewater. “Conquistar Wimbledon fechando com um ace, nem nos  meus sonhos mais loucos poderia ter imaginado isso. Honestamente, não consigo acreditar. Treinei o meu saque durante tanto tempo, pelo menos o guardei para o melhor momento!”

Lisicki, 23ª cabeça de chave, quebrou o serviço de Bartoli no game de abertura, mas a francesa o devolveu em seguida e aproveitou os 14 erros não forçados da alemã para garantir o primeiro set em 31 minutos. O saque poderoso de Lisicki não chegou a ameaçar, e Bartoli manteve a bola longe de seu perigoso forehand.

Lisicki deixou a quadra para tentar se recompor e confirmou o serviço no primeiro game do segundo set, mas desperdiçou quatro pontos de quebra no primeiro game de serviço da rival, que reagiu com força e abriu uma vantagem de 2-1.

Lutando para conter as lágrimas, Lisicki perdeu o saque novamente e ficou atrás em 4-1. Em seguida, Bartoli chegou a 5-1 e teve três match points.

A alemã, entretanto, defendeu-se corajosamente e de repente reencontrou a boa forma, quebrando Bartoli, encostando em 3-5 e mantendo o saque sem dificuldade na esperança de uma virada improvável. Mas Bartoli acordou e manteve o saque sem perder nenhum ponto, selando seu primeiro título de Grand Slam no quarto match point com seu sexto ace na partida, após uma hora e 21 minutos.

Enquanto Lisicki, emocionada, se sentava, Bartoli correu para a arquibancada para abraçar seu grupo, entre eles o seu pai e ex-treinador Walter e Mauresmo.

“Esta situação toda me dominou”, disse Lisicki. “O crédito vai para Marion, ela já passou por isso e soube lidar com tudo perfeitamente”. O triunfo de Bartoli após 47 participações em torneios de Grand Slam superou o recorde anterior, detido pela tcheca Jana Novotna, que conquistou Wimbledon em 1998 na sua 45ª disputa.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!