Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Spike Lee e Pinkett Smith anunciam boicote os Óscares por ausência de atores negros

O realizador de cinema Spike Lee e a actriz Jada Pinkett Smith, ambos afro-americanos, disseram nesta segunda-feira que vão boicotar a cerimónia de entrega dos Óscares no próximo mês porque actores negros ficaram de fora das indicações para os mais importantes prémios da indústria cinematográficas.

Na lista de indicados aos Óscares por interpretação anunciados na quinta-feira não conta com artistas negros pelo segundo ano seguido. A ausência de indicados afro-americanos levou à retomada da hashtag #OscarSoWhite no Twitter, que surgiu em 2015.

Lee, realizador de filmes como “Faça a Coisa Certa” e o recente “Chi-Raq”, de 2015, afirmou que ele fez coincidir o seu anúncio de boicote com o feriado nacional comemorando o líder dos direitos civis morto Martin Luther King.

“Como é possível pelo 2° ano consecutivo todos os 20 indicados para a categoria de actor serem brancos? E não vamos nem falar sobre outras áreas”, escreveu Lee no Twitter sob a hashtag #OscarSoWhite (Óscar tão branco, em tradução livre).

“40 actores brancos em 2 anos e nada de negros. Nós não podemos actuar?!”, disse o diretor, que recebeu um Óscar honorário em Novembro. Ele afirmou que a sua decisão de não participar não era um sinal de desrespeito ao mestre de cerimónias Chris Rock, a Reginald Hudlin, produtor do Óscar, ambos negros, ou a representantes da Academia.

Pinkett Smith, que tatua em dois filmes da série “Matrix”, também disse que não iria à cerimónia de premiação agendada para 28 de Fevereiro. “Talvez seja a hora de nós pegarmos os nossos recursos, colocá-los de volta nas nossas comunidades, e fazermos programas para nós mesmos que nos reconheçam de maneiras que vemos como próprias, que são tão boas quanto as do chamado mainstream”, disse ela em vídeo veiculado no Facebook.

O marido dela, Will Smith, que estrela um drama sobre contusão no futebol americano, “Um Homem Entre Gigantes”, e Idris Elba, que interpreta um combatente africano em “Beasts of No Nation”, são alguns dos actores negros colocados de lado neste ano. O elenco e o realizador negro do filme sobre hip-hop “Straight Outta Compton: A História do N.W.A.” também ficaram de fora da corrida.

Os comunicados sobre os boicotes aconteceram depois que a comédia “Políca em Apuros 2”, estrelando pelos actores negros Ice Cube e Kevin Hart, tirar “Star Wars: O Despertar da Força” do primeiro lugar das bilheteiras no fim de semana.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!