Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sofala beneficia de 120 mil redes mosquiteiras

A iniciativa do Presidente dos Estados Unidos da América contra a Malária (PMI) está a distribuir 120 mil redes mosquiteiras em vários distritos da província de Sofala, Centro de Moçambique.

Vários milhares de famílias dos distritos de Muanza, Gorongosa, Cheringoma e Nhamatanda, em Sofala, beneficiarão desta iniciativa que poderá, em breve, ser implementada em outras províncias moçambicanas. Um comunicado de imprensa da Embaixada dos EUA em Maputo, na segunda-feira, recebido pela AIM, refere que a Direcção Provincial da Saúde (DPS) de Sofala, o Programa Nacional de Controlo da Malária (PNCM) e a “Population Services International (PSI)”, são parceiros da iniciativa.

A Fundação Carr, gestora do Parque Nacional da Gorongosa e do Projecto de Restauração de Gorongosa, está, igualmente, a apoiar voluntariamente a campanha considerada como sendo um sucesso pelas autoridades de saúde e comunidades. Desde os meados de 2009 que a PMI tem prestado apoio ao PNCM na implementação de uma nova abordagem de distribuição universal de redes mosquiteiras.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!