Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Empresário sequestrado na sua loja em Maputo, é a sétima vitima está semana em Moçambique

Mais um sequestro foi registado na capital moçambicana, a vítima é um empresário muçulmano que foi raptado de dentro da sua loja na zona baixa de Maputo.

{youtube}9uSjrO6rVB0{/youtube}

@Verdade teve acesso a imagens do circuito interno do local do sequestro e pode-se ver claramente os criminosos agirem com muito à vontade e nem mesmo procurarem esconder os rostos.

Segundo testemunhas oculares, os criminosos armados, em número oito, chegaram ao estabelecimento comercial da vítima, um loja de material eléctrico localizada na avenida Zedequias Manganhela, cerca das 8 horas em duas viaturas e entraram para a zona traseira onde se localiza o armazém dos equipamentos.

Aí, empunhando as armas, há indicação de terem disparado pelo menos um tiro de intimidação, dominaram os trabalhadores e agarraram no proprietário e puseram-se rapidamente em fuga.

Outras informações dão conta que a cidadã sequestrada nesta quinta-feira no bairro da Malanga em Maputo regressou ao convívio familiar, após conseguir iludir os seus algozes.

Há ainda indicação que a Polícia da República de Moçambique (PRM) terá descoberto um esconderijo dos sequestradores no bairro de Bunhiça na província de Maputo. Nesse esconderijo, um casa que terá sido alugada pelos criminosos, a PRM terá detido um suspeito de pertencer ao grupo de sequestradores e encontrou 2 armas de fogo.

Até ao momento não houve nenhum pronunciamento oficial do Comando da PRM, do Ministério do Interior, da Procuradoria ou de qualquer outro órgão governamental moçambicano sobre os sete sequestros que aconteceram esta semana.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!