Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Segundo ciclone raro atinge Iémen e deixa um morto

Um segundo ciclone extremamente raro e poderoso atingiu a ilha de Socotra, no Iémen, no domingo, com ventos da força de um furacão, matando uma mulher e fazendo com que cerca de 5 mil pessoas saíssem das suas casas, de acordo com uma autoridade local.

A nova tempestade, chamada Megh, ocorre menos de uma semana após o ciclone Chapala matar 11 iemenitas em Socotra e na ilha principal, libertando quase uma década de chuva média anual em dois dias.

“Uma mulher com cerca de 40 anos morreu quando a sua casa desabou, e outros quatro ficaram feridos… o ciclone Megh é muito pior que o Chapala porque está passando directamente por cima de Socotra”, disse Mohammed Alarqbi, do Escritório de Meio Ambiente de Socotra, por telefone.

“O dano material também é pior do que antes, à medida que maiores números de casas foram destruídas e 5 mil pessoas a mais saíram da costa da ilha para escolas, universidades e hospitais”, acrescentou.

O ciclone Megh é esperado para atingir a costa leste de Áden na terça-feira, com ventos em torno de 90 a 120 km/h, de acordo com a Organização Mundial Meteorológica. A coordenação humanitária da ONU informou que mais de 230 mil pessoas na ilha principal do Iémen serão expostas a fortes ventos e chuvas, com as áreas de Abyn e Al Bayda em riscos maiores.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!