Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sebastian Vettel (Red Bull) largará na ‘pole position’ do GP da Turquia

O alemão Sebastian Vettel (Red Bull) largará na ‘pole position’ do Grande Prêmio (GP) da Turquia, sétimo do Campeonato Mundial de Fórmula 1 de 2009, que será disputado neste domingo no circuito de Istambul.

Vettel obteve a ‘pole position’ ao fazer o melhor tempo – 1 minuto, 28 segundos e 316 milésimos – na última volta da terceira etapa do treino classificatório (Q2) deste sábado, apimentando um pouco a temporada, marcada por uma dominação esmagadora da BrawnGP com seus pilotos Jenson Button, líder com 51 pontos, e Rubens Barrichello, vice com 35.

 

Vettel, com seu tempo surpreendeu os pilotos da escuderia sucessora da Honda, que estavam dominando a Q3. O líder Button fez o segundo melhor tempo – 1 minuto, 28 segundos e 421 milésimos – e largará ao lado do alemão, enquanto seu companheiro brasileiro, com 1 minuto, 28 segundos e 579 milésimos, ocupará a terceira posição, largando na segunda fila.

“A pole é sempre importante. Você pode perguntar ao homem que está a minha direita”, comentou o alemão apontando para o britânico, sentado ao seu lado na entrevista coletiva. “É ele que tem a maioria das pole deste ano. E é ele que ganhou a maioria das corridas”, acrescentou Vettel.

Antes de Vettel surpreender, os monopostos da BrawnGP, como já é habitual, vinham mostrando sua superioridade até os últimos minutos da terceira etapa de classificação (Q3), decisiva para formação do grid de largada. Mas neste sábado tiveram uma surpresa. “Não tivemos um grande dia. Não sabia como estava nosso ritmo. Felizmente o encontramos”, disse Button, antes de ressaltar a importância de ganhar a pole no GP turco, que pode significar sua sexta vitória em sete corridas. “Gostamos das estatísticas. Sabemos que os ganharam aqui, foram os que conseguiram a pole”, disse o britânico para acrescentar que ele e Rubinho tentarão quebrar esse tabu.

Atrás de Vettel e Button, está Barrichello, que afirmou que enfim está em condições de tomar a posição de seu companheiro, que o precedeu nas seis corridas anteriores. “Eu amo tanto o Jenson como amigo, tanto quanto o odeio como piloto”, brincou Barrichello, para acrescentar que “é muito bom para a equipe que nós nos entendamos bem”. O brasileiro é o vice-líder da temporada com 16 pontos a menos que Button (51-35).

“As pessoas podem pensar que, como eu era o segundo de (Michel) Schumacher (na Ferrari), eu serei o segundo de Button. Mas eu vou lutar. Eu vou ganhar. Espero que seja amanhã (domingo)”, acrescentou Barrichello, que vai largar no lado limpo da pista e espera que isso lhe seja favorável. O brasileiro da BrawnGP elogiou a estratégia da equipe ao usar pneus duros na Q3. “A equipe fez um bom trabalho à noite e as condições da pista vieram para o nosso lado.

O segundo piloto da Red Bull, o australiano Mark Webber, logo adiante do italiano Jarno Trulli (Toyota, 1:28.666) e dos dois pilotos da Ferrari, o finlandês Kimi Räikkonen (6º, 1:28.815) e Felipe Massa (7º, 1:28.858).

O espanhol Fernando Alonso (Renault) largará da oitava posição (1:29.075), à rente do alemão Nico Rosberg (Williams,1:29.191) e do polonês Robert Kubica (BMW Sauber, 1:29.357). Uma grande decepção teve a McLaren-Mercedes no circuito turco neste sábado. O seu piloto e atual campeão mundial, Lewis Hamilton, largará da 16ª posição, já que não conseguiu passar da Q1. Seu companheiro finlandês, Heikki Kovalainen, largará da 14ª.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!