Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Refractários poderão responder em tribunal

Cerca de 30 jovens abrangidos pelo Serviço Militar Obrigatório (SMO) que não se apresentaram no Centro de Recrutamento e Mobilização de Nampula, estão a ser “vasculhados” para o seu encaminhamento às autoridades judiciais.

Segundo Carlos Lâmina, delegado provincial do Centro Provincial de Recrutamento e Mobilização, estão, presentemente, em curso diligências visando a localização dos mesmos.

A fonte fez esta revelação à margem da cerimónia de despedida de 134 recrutas, cinco dos quais do sexo feminino, que, ontem, deixaram a capital provincial de Nampula com destino ao Centro de Instrução Militar da Manhiça, província de Maputo. A primeira fase de recrutamento de mancebos verificou-se no passado mês de Março, abrangendo cerca de 60 jovens, oriundos de todos os distritos da província de Nampula.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!