Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Rebeldes do M23 anunciam cessar-fogo unilateral no leste da RD Congo

Os rebeldes congoleses do movimento “M23” anunciaram um cessar-fogo unilateral, durante a abertura de negociações de paz em curso atualmente em Kampala, capital ugandesa, com o Governo congolês para pôr termo ao conflito no leste da República Democrática do Congo (RDC).

O secretário executivo da rebelião, François Rucogoza, é citado num comunicado, garantindo que durante a trégua, os insurretos cessarão «toda e qualquer operação militar » na província do Kivu-Norte, no leste da RDC.

«O M23 demonstra a sua vontade de encorajar o clima de compreensão para que as partes negociantes possam atingir os objetivos desejados », prossegue a nota que retoma declarações do líder rebelde congolês.

Desde junho de 2012, após a retomada das hostilidades entre os rebeldes congoleses do « M23 » e as Forças Armadas da RDC (FARDC), na província do Kivu-Norte, cerca de 20 mil refugiados entraram no Rwanda, segundo o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

Os rebeldes do « M23 » exigem o respeito dum acordo de paz com o poder em Kinshasa, assinado a 23 de março de 2009, e em virtude do qual o Governo congolês deve erradicar todas as forças negativas que atuam no leste da RDC, antes do regresso dos milhares de refugiados congoleses de expressão rwandófona ainda exilados em vários países da sub-região, incluindo o Rwanda.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!