Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

https://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.html
ADVERTISEMENT

Raça bovina angone em extinção em Moçambique

A raça bovina angone está em vias de extinção em Moçambique, segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) que aponta a tendência cada vez mais crescente da diminuição do seu efectivo como a razão da conclusão.

Acrescenta a FAO que o comportamento dos principais indicadores reprodutivos e produtivos é o que demonstra que “estamos em presença de um recurso genético que não tem sido objecto de selecção, nem melhoramento, tanto genético como das condições de maneio”.

Sublinha a organização que a evolução do comportamento dos indicadores produtivos e reprodutivos da raça manifesta uma tendência de diminuir, o que evidencia que a população se encontra afectada pela consanguinidade.

Dados ainda da FAO indicam que em Moçambique existia em 1969 muito pouco trabalho de avaliação de raças e que o sector familiar praticamente nenhum trabalho realizou, “situação que ainda não está melhorada até hoje”, aponta aquela agência da família da Organização das Nações Unidas (ONU).

A FAO especifica que um ponto fraco para o seguimento actual da situação de perigo de extinção das raças é que é difícil superar a pouca atenção dedicada diluição causada pelos cruzamentos indiscriminados de raças.

Este problema representa uma ameaça maior diversidade genética, e isso juntado à falta de informação constitui um obstáculo forte para o estabelecimento de medidas efectivas de planificação e hierarquização para os programas de conservação das raças.

Os dados foram apresentados esta quinta-feira, em Maputo, durante um seminário nacional de divulgação dos resultados dos projectos financiados pelo Fundo Nacional de Investigação.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!