Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Quatro milhões de USD para transformar fábrica de refeições em centro de formação

O Embaixador brasileiro em Moçambique, António Sousa e Silva, reiterou hoje o comprometimento do seu país em apoiar a transformação da Fábrica de Refeições em centro de formação profissional, um projecto orçado em Quatro milhões de dólares norteamericanos.

De acordo com António Sousa e Silva, uma equipe técnica brasileira vem brevemente a Maputo para avaliar a parte das instalações, enquanto que 18 moçambicanos, já identificados, vão ser formados naquele país para leccionarem no futuro centro. Sousa e Silva deu estes detalhes a margem da assinatura, segunda-feira em Maputo, de um acordo no qual o Brasil se compromete a desembolsar 272 mil dólares americanos, para formar inspectores laborais moçambicanos, no país e no Brasil, principalmente na área informática.

Ao todo serão necessários 16 meses, findo os quais a inspecção do Trabalho espera melhorar a sua capacidade interventiva, informatizando a sua actividade, segundo disse a AIM o Inspector do Ministério do Trabalho (MITRAB), Joaquim Siúta, que assinou o acordo. Este mesmo entendimento inclui a doação, pelo Brasil, de 15 computadores. Moçambique e Brasil têm um amplo acordo de cooperação técnica, que inclui as áreas acima.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!