Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Quatro milhões de USD para transformar fábrica de refeições em centro de formação

O Embaixador brasileiro em Moçambique, António Sousa e Silva, reiterou hoje o comprometimento do seu país em apoiar a transformação da Fábrica de Refeições em centro de formação profissional, um projecto orçado em Quatro milhões de dólares norteamericanos.

De acordo com António Sousa e Silva, uma equipe técnica brasileira vem brevemente a Maputo para avaliar a parte das instalações, enquanto que 18 moçambicanos, já identificados, vão ser formados naquele país para leccionarem no futuro centro. Sousa e Silva deu estes detalhes a margem da assinatura, segunda-feira em Maputo, de um acordo no qual o Brasil se compromete a desembolsar 272 mil dólares americanos, para formar inspectores laborais moçambicanos, no país e no Brasil, principalmente na área informática.

Ao todo serão necessários 16 meses, findo os quais a inspecção do Trabalho espera melhorar a sua capacidade interventiva, informatizando a sua actividade, segundo disse a AIM o Inspector do Ministério do Trabalho (MITRAB), Joaquim Siúta, que assinou o acordo. Este mesmo entendimento inclui a doação, pelo Brasil, de 15 computadores. Moçambique e Brasil têm um amplo acordo de cooperação técnica, que inclui as áreas acima.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!