Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Príncipe Mikasa, membro mais velho da família imperial do Japão, morre aos 100 anos

O príncipe Mikasa, tio do imperador japonês Akihito, morreu nesta quinta-feira, aos 100 anos, deixando somente quatro herdeiros para o Trono Crisântemo, informou a Agência da Casa Imperial.

A morte de Mikasa coincide com a atenção renovada referente ao futuro da idosa e minguante família imperial e com o debate sobre a permissão para que mulheres herdem o trono, o que romperia uma tradição de sucessão exclusivamente masculina que conservadores dizem ser crucial para um costume imperial que remonta a 2.600 anos.

Mikasa era o irmão caçula de Hirohito, pai do actual imperador, por quem o Japão lutou na Segunda Guerra Mundial.

O príncipe, um estudioso de história oriental antiga, ensinou em universidades e serviu como presidente honorário do Centro de Cultura do Oriente Médio do Japão e da Sociedade Japão-Turquia.

Em Agosto, o imperador Akihito, de 82 anos, deu a entender que deseja abdicar — um gesto inédito no Japão moderno e impossível pela lei actual.

Entre os quatro herdeiros homens remanescentes está o príncipe Hisahito, de 10 anos, o único neto do imperador. Os outros três são o irmão de 80 anos de Akihito e seus dois filhos de meia idade, incluindo o príncipe herdeiro Naruhito.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!