Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Primeira esposa e filho contam história de Bin Laden em família

Pai austero, marido autoritário, amante dos carros esportivos e fluente em inglês: uma nova faceta de Osama Bin Laden é revelada inesperadamente no retrato traçado por sua primeira mulher e por um de seus 12 filhos.

Em “Growing Up Bin Laden” (“Transformando-se em Bin Laden”), Najwa, a primeira esposa do cérebro da rede extremista Al-Qaeda, e Omar, seu quarto filho, contam a transição daquele que era um adolescente piedoso e se transformou em um astuto terrorista disposto a tudo para atacar o Ocidente. Bin Laden era adolescente quando se casou com Najwa, mas aos 17 anos o jovem saudita já tinha convicções bem fortes, segundo o livro que será lançado no final de Outubro nos Estados Unidos.Pouco depois da revolução iraniana de 1979, que levou o aiatolá Khomeini ao poder, o casal Bin Laden viajou aos Estados Unidos, lembra Najwa neste livro redigido com a colaboração do escritor Jean Sasson. Em Los Angeles, Osama conheceu seu guia espiritual, o xeque palestino Abdullah Azzam, que buscava voluntários para as fileiras da jihad no Afeganistão para lutarem contra os soviéticos. Bin Laden atendeu ao chamado. Quando voltou à Arábia Saudita, Bin Laden foi recebido como herói. Mas, em casa, seu estilo autoritário começou a surgir e seus filhos foram os primeiros a notar os efeitos.

Por exemplo, não queria que “mostrassem demais os dentes” ao rir, escreve Omar Bin Laden. No entanto, Najwa tinha que se acostumar a ter um marido polígamo e uma vida espartana. “Meu pai proibia minha mãe de ligar o ar acondicionado instalado em nossa casa”, ressalta Omar. “A proibia também de usar a geladeira”. Mas essa aversão aos eletrodomésticos não impedia Bin Laden de adorar os automóveis velozes, entre eles pelo menos um Mercedes dourado. Também comprou uma lancha.

“Nada o deixava mais feliz do que passar um dia inteiro correndo em velocidade máxima no deserto”, ao volante de um de seus carros, explica sua primeira esposa. Najwa também revela que o mentor dos atentados de 11 de Setembro em Washington e Nova York… tem inclinações “verdes” ou pelo menos pelo cultivo de milho e de girassóis. Outra “atividade favorita de Osama é cultivar a terra”, ressalta a ex-senhora Bin Laden. Mas, também nesse caso, a paixão do pai se transformou em um calvário para a família. Em seu amor pela natureza, Bin Laden obrigava sua esposa e seus filhos a passar noites inteiras no deserto, sem sequer uma barraca.

No entanto, é difícil para Omar não admirar o talento de seu pai para a equitação, o inglês e a matemática. “Era tão famoso por seu cálculo mental que às vezes vinha gente a nossa casa com uma calculadora para desafiá-lo”, lembra Omar de seu pai, amante das frutas, mangas em particular, e que bebe chá com pouco açúcar.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!