Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

https://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.htmlhttps://www.petromoc.co.mz/Lubrificantes.html
ADVERTISEMENT

Prevista época de chuvas normais e abundantes em Moçambique

A época chuvosa 2014 – 2015, que inicia no próximo mês de Outubro prolongando-se até Março de 2015, vai registar chuvas normais a abundantes, cenário que favorece uma boa campanha agrícola. Contudo, segundo o Fórum Nacional de Antevisão Climática (FNAC), persiste o risco moderado a alto de ocorrência de cheias, nas principais bacias hidrográficas, no período de Janeiro a Março de 2015.

O FNAC, segundo o jornal Noticias, refere que para o período de Outubro a Dezembro há uma maior probabilidade de ocorrência de chuvas normais com tendência para acima do normal em toda a extensão da província de Cabo Delgado e extremo leste do Niassa.

Esperam-se, igualmente, chuvas normais para grande parte da província do Niassa e as províncias da Zambézia, Nampula, a parte alta de Tete, e o extremo sul da província de Maputo.

No mesmo período, estão previstas chuvas normais com tendência para acima do normal no sul da província de Tete, toda a extensão de Manica, Sofala, Inhambane, Gaza e o norte da província de Maputo

. Para o período de Janeiro a Março de 2015, há uma maior probabilidade de ocorrência de chuvas normais com tendência para acima do normal em toda a zona sul e centro do país, grande parte da província do Niassa, extremo oeste de Nampula e nordeste de Cabo Delgado.

Chuvas normais esperam-se no leste de Niassa, centro e sul de cabo delgado e centro e a leste de Nampula. Face a este cenário, a Direcção Nacional de Águas prevê risco baixo de ocorrência de cheias nas bacias do Umbeluzi, Limpopo, Inharrime, Mutamba, Inhanombe, Govuro e Save, nas bacias costeiras de Sofala, Zambézia, Nampula e Cabo Delgado no período de Outubro a Dezembro.

Neste mesmo período, há risco moderado a alto de cheias nas bacias de Maputo, Incomati, Buzi, Púngoé e Licungo. De Janeiro a Março, há risco moderado de ocorrência de cheias no Save, Govuro, Inharrime, Lúrio, Rovuma e bacias costeiras da província de Sofala, Zambézia e Nampula.

Risco moderado a alto de ocorrência de cheias nas bacias do rio Maputo, Umbeluzi, Limpopo, Inhanombe, Mutamba e Zambeze e alto risco para o Incomáti, Buzi, Púngoè, Licungo, Megaruma, Montepuez, Messalo e sub-bacias do Lugenda.

Com relação ao impacto para a agricultura, no período de Outubro a Dezembro, Cabo Delgado, leste do Niassa e norte de Nampula deverão registar índice baixo (até 70 por cento) de satisfação das necessidades hídricas das culturas, índice moderado (70 a 90 por cento) para a região centro com excepção da Zambézia.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!