Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pelo menos 360.000 pessoas fogem de combates no noroeste do Paquistão

Pelo menos 360.000 pessoas fugiram em pouco mais de uma semana da região noroeste do Paquistão, onde o Exército enfrenta os talibãs.

“Um total de 360.600 indivíduos foram registrados nos campos e fora deles, como parte de um novo fluxo procedente de Swat, Burner e Baixo Dir desde 2 de maio”, afirmou Arianne Rummery, porta-voz do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

As forças aéreas e terrestres paquistanesas iniciaram uma vasta ofensiva contra os insurgentes talibãs no distrito de Baixo Dir no dia 26 de abril e no vizinho Buner dois dias depois. Violentos combates explodiram em Swat, outro distrito do noroeste do país, entre as forças oficiais e os talibãs em 6 de maio.

Segundo Rummery, o governo da Província da Fronteira Noroeste estabeleceu, com a ajuda do Alto Comissariado para os Refugiados, 29 pontos de inscrição para os deslocados, principalmente nas cidades de Mardan e Swabi. “Menos de 20% estão nos campos, enquanto 80% estão fora deles”, explicou Rummery à AFP.

O centro de reação de emergência de Peshawar informou que mais de 500.000 pessoas fugiram desde o início da ofensiva, mas não revelou uma data para o início do êxodo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!