Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pedro Lopes publica poesia para a criançada

“O poema pode ser visto como um ‘nada’, mas é algo que constrói ideias, vindas de experiências individuais de quem o lê”. É assim que no seu livro “Viagem pelo Mundo Num Grão de Polén e Outros Poemas”, o escritor moçambicano, Pedro Pereira Lopes, atrai às crianças para o exercício da mais antiga atitude humana – a leitura.

A obra publicada recentemente além de se enquadrar na literatura infantil, favorecendo, por essa via, o acesso à literatura de especialidade para pessoas de tenra idade, também possui ilustrações expressivas da artista gráfica portuguesa, Filipa Pontes.

Segundo Angelina Neves, que construiu o prefácio do livro, a poesia de Pedro Lopes está eivada de uma forma peculiar de contar histórias ricas, em termos de musicalidade e ritmo, incluindo a existência de imagens visuais que ampliam as mensagens do texto.

Além de criar um mundo colorido para os leitores, o autor capitaliza vários sonhos da infância como, por exemplo, o de ser um bicho curioso: “ser uma formiga e viver num formigueiro, num mundo estreito e escuro e ter mil formigas amigas ou, a vontade de estar num parque para ver os palhaços a brincar, com sorrisos rasgados de orelha a orelha”.

Com 37 páginas e 10 temas, o livro traduz uma viagem em que – nessa vontade da valorização da nossa tradição, como moçambicanos – se transporta o leitor para o histórico bairro da Mafalala a fim de ver bailarinos, com uma indumentária tipicamente constituída por capulanas a dançar Marrabenta.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!